home Em Cartaz CASA SUBMERSA

CASA SUBMERSA

     

Release

 

Curta temporada no Núcleo Experimental

 De 04 de outubro a 11 de novembro

Kiko Marques encerra sua trilogia em novo espetáculo.

Após temporada no Sesc Pompeia, a da Velha Companhia se apresenta de sexta a segunda no Núcleo Experimental

 

Depois de Cais ou Da Indiferença das Embarcações e Sínthia, espetáculos que tiveram longas temporadas e receberam vários prêmios, Casa Submersa é a peça que encerra a Trilogia das Águas de Kiko Marques. A pesquisa de criação do texto, que teve início dentro da comemoração dos quinze anos da Velha Companhia no Sesc Pompeia em abril de 2018, contou com o apoio do Sesc e da Lei de Fomento ao Teatro da cidade de São Paulo para produção e estreia do espetáculo. Após temporada sempre lotada no Sesc Pompeia, Casa Submersa se apresenta de sexta a segunda no Núcleo Experimental, de 04 de outubro a 11 de novembro, com ingressos a R$20.

O espetáculo é um fechamento da pesquisa que começa em Cais… numa ilha do Estado do Rio, nos vais e vens das marés e dos barcos, passando pelas águas paradas e pútridas do autoritarismo e repressão em Sínthia e chegando ao inconsciente de um Brasil submerso representado por uma casa habitada no fundo de um oceano.

Em Casa Submersa, uma bióloga marinha começa a ter surtos de memória corporal e visitas ao inconsciente, em estado de apneia. Num mergulho sem volta terá que visitar o passado de seu país e de sua família.

Por conta do apoio da Lei de Fomento ao Teatro da cidade de São Paulo, será realizada na Comunidade Cultural Quilombaque em Perus, dias 20 e 21 de agosto às 18h, uma estreia fechada destinada à comunidade local. Em seguida segue para temporada no Sesc Pompeia, de 04 a 22 de setembro.

Histórico da Companhia A Velha Companhia fundada por Kiko Marques, Alejandra Sampaio e Virgínia Buckowski, trabalha desde 2003 com montagens que partem ora de uma dramaturgia elaborada pelo autor da companhia, criada a partir da sala de ensaio através de estudos, palestras e improvisações sobre um tema, ora de outros textos e autores que de certa maneira dialoguem com sua linha de pesquisa. Seus espetáculos mais recentes como Cais ou Da Indiferença das Embarcações, Sínthia e Valéria e os Pássaros, geraram centenas de empregos diretos e indiretos, tiveram longas temporadas e passaram por várias cidades do país, além de terem recebido prêmios como Shell, Apca, Aplauso Brasil e Qualidade Brasil.

 

SINOPSE: Em Casa Submersa, uma bióloga marinha começa a ter surtos de memória corporal e visitas ao inconsciente, em estado de apneia. Num mergulho sem volta terá que visitar o passado de seu país e de sua família.

 

“Era uma água cor de chá, talvez um rio do norte do país, talvez um lago artificial em Brasília. Eu estava dentro dela. Só a cabeça de fora. Sabia somente que precisava visitar uma casa no fundo dessa água. Tomava bastante fôlego e começava a descer. Era muito fundo. Subitamente começava a ver o telhado, a cerca… Havia uma casa no fundo e vida na casa. E eu precisava sabê-la. De alguma forma emergi-la.”

“Casa Submersa” nasce desse sonho que tive, dois anos atrás; da ideia de escrever uma “Trilogia das águas”, que surgiu quando comecei a escrever “Cais, ou Da Indiferença das Embarcações”, há seis anos atrás; da certeza de que, feita, a trilogia findaria no fundo de alguma água, em algum inconsciente, pessoal ou coletivo; e de uma história sobre uma língua cortada, em um país submerso, contada e recontada muitas vezes, por muita gente. Kiko Marques

Ficha Técnica

Texto e Direção: Kiko Marques

Com: Velha Companhia

Elenco

Adriana Dham

Alejandra Sampaio

Ana Negraes

Bruno Menegatti

Kiko Marques

Leonardo Fernandes

Marcelo Diaz

Marcelo Marothy

Patricia Gordo

Rodrigo Vellozo

Sandra Nanayna

Valmir Sant’Anna

Virgínia Buckowski

Willians Mezzacapa

Cenografia e Desenho de Luz: Marisa Bentivegna

Figurinos: João Pimenta

Trilha Sonora Original, preparação/direção musical e músico: Bruno Menegatti

Supervisão musical: Fernanda Maia

Consultoria musical: Henrique Villas Boas

Provocadora cênica do processo de criação do texto: Maria Fernanda Vomero

Assistente de direção: Mateus Menezes

Videografismo e videomapping:  André Grynwask e Pri Argoud (Um Cafofo)

Telas e Assistente de argumento da pesquisa dramatúrgica: Angela Fernandes

Desenho de movimento: André Capuano

Produção executiva: Marcela Büll

Assessoria de imprensa: Morente Forte

Designer Gráfico: Fabricio Santos

Fotos: Nelson Kao

Operador de Luz: Henrique Andrade

Operador de vídeo: Jones Souza

Colaborador: Fábio Mráz

Camareira/ajudante de palco: Gisele Pereira

Assistente de cenografia: Amanda Vieira

Cenotecnia: Cesar Rezende Santana (Basquiat)

Palestrantes ao longo da pesquisa: Andrea Amorim, Cristino Wapichana, Daniela Panise, Débora Goldenberg, Edson Teles, Maria Fernanda Vomero, Maria Regina Berbel, Mariana Laham, Maurício Cardoso, Renata Moretti, Ricardo Cardoso, Rodrigo França.

Preparadores corporais ao longo da pesquisa: Janette Santiago e Rubens Oliveira.

Direção de produção: Alejandra Sampaio e Virgínia Buckowski

Idealização do projeto: Velha Companhia

 

 

Assessoria de imprensa da Velha Companhia

Morente Forte Comunicações

Beth Gallo, Thais Peres, Mariana São João

(11) 3255.6183

imprensa@morenteforte.com.br

 

 

Assessoria de imprensa do Sesc Pompeia

Dih Lemos e Guilherme Barreto

Estagiários: Mari Carvalho

Coordenador de comunicação: Silvio Bassilio

(11) 3871-7720 / 7776

imprensa@pompeia.sescsp.org.br

 

 

Serviço

CASA SUBMERSA

 NÚCLEO EXPERIMENTAL (50 lugares)

Rua Barra Funda, 637

Informações: (11) 3259.0898

Bilheteria: Abre 1 hora antes do início do espetáculo. Aceita cartão e dinheiro. Acessibilidade. Estacionamento próximo ao local.

Venda antecipada: www.tudus.com.br

 

 Sexta, sábado e segunda às 20h | Domingo às 18h

 Ingressos: R$ 20

 

Duração: 160 minutos (15 minutos de intervalo)

Recomendação: 14 anos

 

Estreou em 04 de setembro de 2019 no Sesc Pompeia

 Curta Temporada:

De 04 de outubro até 11 de novembro de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *