home Acervo MYRNA SOU EU

MYRNA SOU EU

Release

Com direção de Elias Andreato, Nilton Bicudo dá vida à Myrna, pseudônimo feminino que Nelson Rodrigues adotava nas crônicas que escrevia para o Correio da Manhã, que em seu Consultório Sentimental tenta resgatar a reflexão sobre o amor e a solidão das mulheres, a partir de 09 de agosto no Teatro Eva Herz
Nelson Rodrigues dizia que se as pessoas falassem o que fazem entre quatro paredes, ninguém mais se cumprimentava.
Num mundo cada dia mais amoral e digital, escolhemos Myrna, o consultório sentimental, para tentar resgatar a reflexão sobre o amor, sobre a solidão das mulheres.
Vivemos num mundo onde as mulheres conquistaram muitos direitos, se emanciparam, e ganharam destaque em seus trabalhos. Mas a violência contra a mulher continua, e elas cada vez mais solitária precisam dos conselhos amorosos desse grande autor.
Nelson escreveu por anos no Correio da Manhã, as crônicas em que assinava Myrna, e tentava falar direto aos corações femininos e suas dilacerantes dúvidas.
Os homens, na verdade, são os personagens principais dessas crônicas, pois é sobre seu comportamento que Myrna raciocina junto ao público.
O diretor Elias Andreato escolheu as crônicas e montou o roteiro do espetáculo.
Para dar voz a essa mulher que tenta entender os homens, o ator Nilton Bicudo lança mão de sua alma feminina e sobe ao palco.
Um monólogo, ora engraçado, ora comovente, onde Myrna responde as perguntas que suas ouvintes lhe mandam, no programa de rádio, chamado Consultório Sentimental.
Como estamos ainda confinados pelos preconceitos, e atrofiados em nossa manifestação afetiva, Myrna é fundamental.
Dar voz a Nelson, em sua lucidez e coragem.
Sobre o diretor
Elias Andreato – Ator de teatro, cinema e televisão, diretor e muitas vezes roteirista dos seus próprios trabalhos. Sua busca é pela humanidade dos personagens que interpreta e seus espetáculos frequentemente questionam o papel do artista na sociedade e sua relação com o seu tempo. Construiu uma carreira sólida feita, acima de tudo, pela escolha por personagem/personalidades que pudessem traduzir esse pensamento – Van Gogh, Oscar Wilde, Artaud são exemplos dessa escolha e resultaram em interpretações marcantes que lhe garantiram um lugar especial no teatro brasileiro.
Sobre o ator
Nilton Bicudo – Ator , diretor de Teatro ,nascido em São Paulo em 1966 e  formado em Direito pela PUC/SP em 1988, e em Teatro pelo Teatro- Escola Célia Helena em 1992. Começou sua carreira como assistente de direção na EAD, com Eliana Fonseca e Johana Albuquerque. Em 19 anos de carreira trabalhou em 50 espetáculos de teatro, alternado as funções de ator, diretor, assistente de direção. Trabalhou com autores e diretores como Fauzi Arap, Renato Borghi, Elias Andreato, Márcia Abujamra, Marco Antônio Braz, Cibele Forjaz, Francisco Medeiros, Mário Bortolotto, entre  outros, em textos de Nelson Rodrigues, Tchecov, Tennesse Williams, Shakespeare, Büchner, Alan Ayckbourn, e também a dramaturgia contemporânea brasileira,  de Newton Moreno, Antônio Rocco, Sérgio Roveri, Pedro Vicente, Ivam Cabral, Felipe Sant’ângelo, Gustavo Machado e Terça Insana. Em 2008 foi indicado ao Prêmio Shell de melhor ator, por O Natimorto, de Lourenço Mutarelli.
No cinema participou dos filmes O Veneno da Madrugada, de Ruy Guerra, Caixa Dois, de Bruno Barreto, O Primo Basílio, de Daniel Filho, Meninos de Kichute, de Luca Amberg, também Boleiros e Sábado, de Ugo Georgetti, e Por Trás do Pano, de Luís Villaça.  Fez quatro novelas, duas na TV Globo, Andando nas Nuvens(1999) e Desejos de Mulher (2002) uma no SBT Sangue do meu Sangue (1995), e uma na BandeirantesÁgua na Boca (2008), além de participar de Teleteatros da TV Cultura, e das séries A DiaristaOs Normais,Sob Nova DireçãoSuper Sincero, com José Alvarenga e Dennis Carvalho e Uma Rosa com Amor, com Del Rangel.

Ficha Técnica

Texto: Nelson Rodrigues

Adaptação, Roteiro e Direção:

Elias Andreato

Diretor assistente:

André Acioli

Interpretação:

Nilton Bicudo

Cenário:

Elias Andreato

Serviço

MYRNA SOU EU
TEATRO EVA HERZ
Livraria Cultura – Conjunto Nacional
Avenida Paulista, 2.073 – Bela Vista
Bilheteria: 3170-4059 / www.teatroevaherz.com.br
Formas de Pagamento: Dinheiro / Cartões de débito – Visa Electron e Redeshop / Cartões de crédito – Amex, Visa, Mastercard, Dinners e Hipecard. Não aceita cheque.
Vendas: www.ingresso.com e 4003-2330
Sextas e Sábados às 21h | Domingos às 19h
(de 09 de agosto a 08 de setembro)
*No feriado de 07 de setembro a sessão será às 18h*
 
Sábados às 18h
(de 14 de setembro a 05 de outubro)
 
Ingressos: R$ 40
 
Classificação: 12 anos
Duração: 70minutos

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *